quinta-feira, 10 de agosto de 2017

O que é verdadeiro não morre jamais

O que é verdadeiro, verdadeiro! Não morre jamais!
Mas o seu "amor" nunca foi verdadeiro. Nunca!
Quem ama não trai, não mente, não machuca dessa maneira.
Quem ama de verdade, não tem medo de demonstrar seus sentimentos, não tem medo de assumir um compromisso e se dedicar fiel e plenamente a uma única pessoa.
Quem ama de verdade é honesto com o seu parceiro e jamais troca-o e muito menos brinca com a sua cara.
Quem ama de verdade, apesar das brigas, das dores, das lágrimas, se mantém firme e íntegro.
Quem ama de verdade é capaz de abrir mão de tudo, só para ficar com o seu amor.
Só que eu nunca fui o seu verdadeiro amor, né?!
Obrigado por me abrir olhos para tamanha maldade e crueldade que os humanos são capazes de realizar.
Que Deus tenha piedade de ti. Porque sinceramente, eu tenho pena de você.
Você acabou com a nossa história da maneira mais triste e dolorosa.
Isso porque, segundo você, sou uma pessoa maravilhosa.
Pessoas maravilhosas merecem isso?
Ninguém merece isso. Ninguém! Nem o pior dos seres!
Eu só queria sinceridade e honestidade de sua parte. Só isso!
Sabe o que mais machuca dentro de mim? Não foi todo o tempo que te esperei, não foi todas as vezes que me rejeitou e me deixou para trás, não foi ser trocado por grupos, redes sociais ou por outro... O que mais machuca é você ter usado a palavra amor e dizer que queria ficar comigo depois de tudo, e fazer isso.
Essa é a dor que vou carregar pelo resto da minha vida.
Você era tudo para mim, mas preferiu não ser nada.
Espero que seja feliz com o caminho que escolheu.
Adeus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário